Enviar ArtigoGostou do nosso site? Então contribua com um artigo!

Uma encomenda de 50 milhões, para o lixo? O povo tudo ignora e o importante são os Knots, não o país.

Para se perceber melhor porque é que o PS pretende travar a comissão de inquérito no Parlamento para apurar responsabilidades. Tudo isto foi tratado no momento em que os dois governos, da República e dos Açores, eram chefiados pelos socialistas, José Sócrates e Carlos César, respectivamente.

OS QUE NOS DESGOVERNAM SÃO UNS BRINCALHÕES, VEJAM COMO ELES BRINCAM COM MILHÕES DE IMPOSTOS….

Esta é mais uma história macabra sobre as aventuras e desventuras, dos nossos impostos, que andam, por aí sem rumo, perdidos, de mão em mão, a ser desrespeitados, esbanjados e roubados.

Um desentendimento sério e milionário, que só acontece porque o dinheiro envolvido não é de ninguém … e é de todos.

Interessante é que mesmo que tenha razão o governo dos Açores ou os estaleiros de Viana, quem sofre é o de sempre, o pagante que ignora tudo e nunca é consultado para nada – o Zé contribuinte.

A banca permanece imune e lucra sempre mesmo no meio do caos e das indecisões, os juros não falham.
Para os culpados sobra a eterna impunidade…para os inocentes sobra a conta.

Se tiver coragem e alento, vá somando as parcelas para perceber quanto nos custou esta brincadeira…
-50 milhões ferry,
-21 milhões do aluguer dos substitutos,
-531 mil de juros trimestrais DESDE 2009,
-9 mil para o parecer,
-400 mil manutenção… etc, etc.

Prejuízos ultrapassam os 70 milhões de euros

Citando o Gen. Vizela Cardoso que explica como o governo dos Açores foi o responsável por exigir mudanças constantes ao projecto inicial.

“Já ouviram falar do famoso “ferry” que foi fabricado nos estaleiros de Viana do Castelo para fazer a interligação das ilhas dos Açores, e que o Governo(?) do Sr César & Cª Lda, rejeitou porque, em vez de dar 20 Knots de velocidade, só dava 18,5Knots (?!).

Ora a princípio projectou-se um “ferry” para transportar uns 12 carros e dois camiões e 80 passageiros, que é o normal para estas viagens inter-ilhas de rotina.

Eis quando um “expert” da política, com grande visão, lembrou que uma vez por ano há as Festas do Senhor Santo Cristo e, nesse dia, com a vinda dos emigrantes, a lotação poderá subir para 600 passageiros. Aí decide-se fazer um navio para 700 lugares para dar 20 knots de velocidade, com uma dada quota de casco!!

Acontece que, depois do desenho “final”, o Governo do Sr César mandou introduzir algumas alterações (estilo camarotes de luxo que, quem já fez cruzeiros, ficou de boca aberta !!!) e isso criou mais peso em relação ao projecto inicial e afundou o casco mais uns centímetros, retirando obviamente velocidade !!!

Em resumo: Este “famoso” navio está no Alfeite e a sua manutenção (para que não apodreça) custa a todos nós €400.000/mês!!!! . O Governo dos Açores (por votação da AR, onde estava a Senhora Secretária de Estado da Defesa, que agora tem este tabuleiro quente nas mãos!!!) rejeitou o navio porque em vez de 20 Knots, só dá 18,5Knots, mas foi alugar um “ferry” que só dá 14Knots (ah! ah! ah! ah!) e custa a todos nós uns milhões de Euros/ano (disseram-me o valor mas nem quis acreditar, nem quero dizer!!!!); .

E esta gente continua à solta? O Senhor Presidente da República não sabe disto? Será que isto não é razão para declarar o Estado de Sítio até se arrumar a casa destes casos vergonhosos e até que a economia cresça a 3% e formar um Governo de iniciativa Presidencial para este objectivo e para o de reformar o Estado ? Leiam e “consolem-se”…que eu já não tenho paciência !!!!

No meio de tanta incompetência e indecisão… quem paga é o mexilhão… sem defesa ou salvação!?

Comentar este artigo

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *