Enviar ArtigoGostou do nosso site? Então contribua com um artigo!

PETIÇÃO PEDE A MUDANÇA DO NOME DA PONTE 25 DE ABRIL

Esta petição anda a circular pelo facebook. Tem estado a subir de adeptos. O que pensa deste assunto?

PONTE SALAZAR – Tenhamos a CORAGEM de lhe devolver o nome original.

“Os signatários desta petição vêm solicitar a V/Exia. a devolução do nome original à actual ponte “25 de Abril”.

Uma vez que esta ponte foi inaugurada em 1966, enquanto que o “25 de Abril” só ocorreu 8 anos mais tarde, não faz qualquer sentido manter esta denominação, validada pelos instintos revolucionários próprios de uma época que já passou.

Lembramos que a ponte não ficou com o nome, por vontade do próprio, antes foi uma homenagem ao próprio, decidida pelas pessoas que governavam o país, nos idos da década de 60.

Porque os valores de Abril estão solidificados, na nossa sociedade e ninguém teme perder a liberdade para alem da liberdade económica já perdida, esta redenominação não tem qualquer significado politico, sendo somente uma reconciliação com a nossa história recente e um sinal de humildade democrática em relação a um governante que apesar de todos os erros cometidos, evitou ao país a participação suicida na segunda grande guerra e arrancou Portugal de uma dependência financeira persistente desde as invasões francesas, tendo dotado o país de uma capacidade produtiva e exportadora, que nos permitiram acumular as 6ª maiores reservas de ouro do mundo, e projectar o nome de um pequeno país para todo o mundo.

Relembramos que a 1ª Ponte sobre o Tejo, apesar de ter sido financiada com capital estrangeiro foi paga, antes do prazo previsto, assim como a barragem de “Cahora Bassa”.

Recordamos que “recentemente” num concurso realizado pela RTP1, o governante em causa foi escolhido como o Português mais relevante da história. Justa ou injustamente não nos compete a nós julgar. É no entanto um facto que entendemos relevante para suportar a oportunidade desta petição, e que reflecte o apaziguamento dos portugueses com a figura em causa e com a história mais recente do país.

Não poderemos perspectivar o futuro sem uma clara compreensão do passado. Dificilmente poderemos construí-la sobre novas bases, senão compreendermos o que foi efectivamente feito de bom e de mau nesse passado.

O 25 de Abril, vale por si só, dispensa o nome de uma ponte.

É uma questão de maturidade democrática de um povo. O nosso.

Nota1: Não é necessário colocar o seu nome completo. Pode optar por iniciais.

Nota2: Se esta petição atingir as 1,000 assinaturas irá dispor de uma página própria no FaceBook, á qual poderá aderir.

Nota3: Se optar por não deixar email, não lhe podemos responder a qualquer sugestão ou reparo.”

Veja o link aqui.

7 Comentários

Comentar este artigo

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *