Enviar ArtigoGostou do nosso site? Então contribua com um artigo!

José Sócrates e Ricardo Salgado encontravam-se muitas vezes

A garantia é dada por Ricciardi, que diz que as reuniões eram frequentes e até terá sido o banqueiro quem indicou Manuel Pinho para o Governo.

Agora, Salgado foi constituído arguido no processo que envolve a EDP, precisamente por suspeitas de ter corrompido o ex-ministro da Economia, por forma a beneficiar a EDP e, indiretamente, os seus acionistas, entre os quais se encontrava o BES.

José Maria Ricciardi, ex-presidente do BESI, diz «ter a certeza» de que havia reuniões frequentes entre Ricardo Salgado e José Sócrates. A afirmação foi feita aos investigadores do Ministério Público em 17 de fevereiro do ano passado, no âmbito da Operação Marquês.

Este depoimento contraria o que Salgado e Sócrates tinham dito nos interrogatórios do mesmo processo, em que afirmaram não ter relações próximas e apenas falarem em circunstâncias formais.

Ricciardi adiantou mesmo que havia uma «grande intimidade» entre os dois homens, apesar de Salgado se movimentar sempre «com discrição», e que a proximidade entre ambos «chegou a tal ponto» que terá sido Ricardo Salgado a indicar Manuel Pinho para o Governo de Sócrates.

Comentar este artigo

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *