Enviar ArtigoGostou do nosso site? Então contribua com um artigo!

Estado está a multar ambulâncias em excesso de velocidade

Denuncia chega pela Liga dos Bombeiros que pede que não sejam pagas as multas que cheguem. “Há vidas que foram salvas” por ambulâncias em excesso de velocidade, garante responsável.

O Presidente da Liga dos Bombeiros, Jaime Marta Soares, garante que há corporações a receber multas para pagar por existirem ambulâncias nas corporações a passar o limite de velocidade definido pelas estradas que circulam.

As multas referem-se ao início de 2018 e já foram contestadas, avança o JN citado pela Sábado. No entanto, “as justificações apresentadas não foram aceites”, relembra o Presidente da Liga dos Bombeiros.

“Mandámos todos os comprovativos da urgência, pedimos para nos tirarem a multa, mas voltamos a receber uma carta a dizer que temos que pagar as multas entre os 250 e os 600 euros e identificar os condutores. Deixem ir para tribunal e depois vemos quem tem razão”, disse Jaime Marta Soares.

Um bombeiro de Matosinhos, citado pelo JN, disse que “Nunca se viu uma coisa destas. Estamos a levar doentes de um hospital para outro, a maioria das vezes acompanhados por médicos, tal é a gravidade do estado de saúde das pessoas, e ainda temos que andar a ver onde estão os radares para não sermos multados”.

ANSR garante que está a analisar a situação mas que os radares não distinguem entre uma ambulância e os restantes veículos.

Comentar este artigo

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *