Enviar ArtigoGostou do nosso site? Então contribua com um artigo!

Dispara para genitais de dono de mercearia

dispara-para-genitais-de-dono-de-mercearia

Convencido de que João Araújo, de 47 anos, era o responsável pelo seu divórcio, Carlos Marcelino, de 49, resolveu vingar-se. De cabeça perdida e movido por ciúmes, dirigiu-se à mercearia da vítima, na rua Souto de Contumil, no Porto, na quarta-feira à tarde, e disparou um tiro de espingarda em direcção aos genitais do homem. João Araújo apenas não foi atingido por falta de pontaria do atirador, que acabou detido pela PSP e entregue à Policia Judiciária do Porto.

Carlos Marcelino foi já presente a juiz, indiciado por tentativa de homicídio. Ficou obrigado a apresentações diárias à PSP e impedido de contactar com a vítima e a ex mulher.

O agressor não se conformava com o final da relação e avisou a mulher de que a matava caso a visse com outro homem. Como sabia que João Araújo era amigo e confidente da “ex”, convenceu-se de que mantinham uma relação facto que a mulher negou aos inspectores da Judiciária.

O tiro foi disparado quando Carlos estava a apenas três metros de distância de João no interior da mercearia, há mesmo uma marca do disparo, que atingiu uma lista de preços. “Eles tinham estado a discutir e o Marcelino disse que já voltava. Depois regressou com uma arma e disparou. Mas, se ele quisesse matar, tinha-o feito”, disse um amigo da vítima. “Eu tinha acabado de sair quando veio o homem a disparar. Só sei que estava lá dentro um casal que ficou assustado”, contou Aurora Barbosa, vizinha.

Comentar este artigo

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *